quinta-feira, 25 de junho de 2009

Three Man Army




Retorno ao velho rock'n'roll para apresentar-lhes mais uma banda de breve vida: Three man army, power trio inglês mais conhecido na cena underground. O grupo era formado basicamente pelos irmãos brothers Adrian e Paul Gurvitz (g, v & b) e mais bateristas - foram vários que por ali passaram. O primeiro disco, A third of life time (1971), contou com o baterista Mike Kellie, ex- Spooky Tooth (banda que merecerá post em breve) e com o auxílio luxuoso de Buddy Miles, que encarou baixo, bateria e órgão.


O grupo ainda lançou uns três discos, sem alcançar grande sucesso de público (apesar do reconhecimento pela crítica por suas performances ao vivo). Eu tenho Three Army II (1974) e Mahesha (1971), discos de sonoridade interessante, com bons solos de guitarra, base precisa e bateria voluptuosa (como deve ser em power trios) pilotada por Tony Newman, que já trabalhara com Jeff Beck e David Bowie. Dizem por aí que o fracasso de público levou a banda ao fim, mas os irmãos brothers prosseguiram fazendo som com o grande Ginger Baker, mas isso é história para outro post.

Ouçam ali no podcast.

Links: Here & There

6 comentários:

Seu Francis disse...

Boa ideia o Spooky Tooth. Com Pierre Henry, era spooky demais!

Salsa disse...

Em breve, Seu Francis, em breve.
Abraços

Adrielly Soares disse...

Ouvindo. *-*

Sergio disse...

Caríssimo, grande surpresa essa aqui, hein? Pior q fui em alguns blogs um deles tipo "o papa do rock", só pra conferir se em algum o TMA tinha batido o ponto, mas simplesmente em nenhum havia qualquer álbum dessa banda. Aí Salsa! Apresentando raridades no rock idem idem!

E, veja só, ouvindo agora o álbum "Three Man Army 3", descobri, pelo menos na faixa "Let's Go Get Laid" uma tremenda semelhança no vocal e na melodia com o som dos The Kinks. Gostei mesmo desses soldadinhos, Salsa, Valeu!

Salsa disse...

Venho pouco aqui. Por isso a demora em responder. Eu sempre me sentia meio esquisito por ouvir coisas que nem todos apreciavam.
Conheci esse pessoal através de uma prima, que trouxe da estranginávia lá pelos idos anos setenta.
Abraços,

édi disse...

consegue atualizar os links? quero muito a discografia dessa banda!